Mãe dá a vida para ter seu bebê

Este ano, Carrie DeKlyen, 37 anos, ficou grávida pela sexta vez. No entando, recebeu a notícia uma semana depois que tinha sido diagnosticada com glioblastoma multiforme (GBM) um agressivo tumor que cresce na coluna e - no caso de Carrie - no cérebro. Se ela quisesse viver, tria que enterromper a gravidez e iniciar o tratamento imediatamente. Entretanto, Carrie, uma cristã devotada, decidiu continuar com a gravidez.

“o doutor disse que se ela não abortasse, morreria," disse Nick, o pai. "Mas Carrie parecia imperturbável. Perguntei-lhe, 'o que você quer fazer?' E ela respondeu dizendo: 'Vamos continuar com isso'.”

source

Os médicos achavam que Carrie poderia ser salva se ela tivesse um parto prematuro e começasse o tratamento imediatamente depois. Life Lynn nasceu pesando um pouco mais de 450 gramas, após uma gravidez de 24 semanas e cinco dias.

source

No entanto, Carrie não podia ser salva e morreu cercada por familiares e amigos. Ela e Nick se conheceram na igreja quando ele tinha apenas 12 anos. "Quando nossa filha envelhecer, eu vou contar a ela a história sobre sua corajosa mãe", disse Nick em uma entrevista emotiva.

source

“Direi a ela que Deus lhe deu o dom da vida com um plano fantástico em mente e não temos certeza de por que a mãe teve que estar doente e passar por tudo aquilo, mas é tudo um plano especial e devemos confiar nisso. Minha esposa amava o Senhor e ela amava seus filhos mais do que qualquer coisa. É doloroso, mas isso foi o que ela quis."

source

Discussão

Mais quizzes